Deuses de Agharta (O Mistério do Mundo Subterrâneo)

Compártelo:


Sinopsis

Agharta - a Mansão dos Deuses, Reino Encantado, Éden, Paraíso Terreal, perfila-se garante de que os deuses não morreram, antes se ocultaram da ignomia humana, ou a ignomia humana se ocultou deles. O que acorfa na memória as palavras solenes de Helena Petrovna Blavatsky em As origens do Ritual na Igreja e na Maçonaria:

“O reino das trevas e da ignorância desaparece rapidamente, mas há regiões ainda inexploradas pelos sábios e que são tão negras como a noite do Egipto. Os clérigos benévolos que, sob a menor das provocações, estão sempre prontos a nos mandar ao Tártaro e às regiões infernais, não suspeitam o bom voto formulado a nosso respeito, e qual o carácter de santidade que deveremos adquirir para poder entrar num local tão sagrado.”

Inferno, Inferius, Inferior ou Lugar Subterrâneo não é vizinho nem parcimónio daquele decantado repleto de ameaças e condenações teológicas vergando a Humanidade invés de a erguer. Pelo contrário, é o derradeiro bojo das últimas esperanças humanas.

Sobre o que seja e em que medida interfere nos destinos humanos, acaso desde sempre, é a finalidade deste livro Deuses de Agharta, com o singular de se arredar das especulações e pressupostos de que a praça pública é repleta e se apresentar com doutrina própria, onde a Teosofia ou Gupta-Vidya ocupa lugar de destaque, assim mesmo igualmente os seus maiores divulgadores: Helena P. Blavatsky, Mário Roso de Luna e sobretudo Henrique José de Souza, dos três o maior e mais profundo nas minúcias do tema, ao mesmo dedicando páginas de sabedoria de que alguns milhares ainda permanecem inéditas mas que este livro se preocupou em apresentar vários desses mesmos inéditos, parcelas preciosas da Sabedoria dos Deuses da Agharta, pomo desta obra cuja lavra concluída há muito se esperava.

Detalles del Libro


ISBN/13: 9789898856456

Num. Páginas: 346

Tamaño: 148 X 210 mm

Año de publicación: 2016

Editorial: Euedito

Categoría: HISTORIA

Vitor Manuel Adrião (Autor)

Vitor Manuel Adrião nasceu em Lisboa em 26 de Novembro de 1959. Formado em História e Filosofia, antiga cadeira de Histórico-Filosóficas da F.L.L., dedica-se há mais de 30 anos à investigação histórica na área da simbologia e tradição portuguesa no período medieval, tendo coordenado vários cursos sobre História Sagrada de Portugal e visitas de estudo afins patrocinadas pela Academia de Letras e Artes e a Universidade Lusófona.

Estudioso da cultura do Termo ou dos Saloios, dedicou ao tema dezenas de artigos e vários livros publicados, valendo-lhe louvores públicos de várias edilidades municipais, diplomas e a medalha de honra da freguesia de Santo António dos Cavaleiros, por seu contributo à aprovação do seu brasão e bandeira, o que igualmente sucedeu em Loures e Frielas, nesta como interventor e divulgador da cultura folclórica e etnográfica local, tendo recebido vários prémios e menções honrosas.

Animador dos caminhos portugueses para Santiago de Compostela, tem publicados artigos e um livro, ?Santiago de Compostela ? Mistérios da Rota Portuguesa?, dedicados ao tema, tendo o jornal ?Voz de la Galicia? o entrevistado em 1990 descrevendo-o com palavras elogiosas.

Conferencista e escritor, com mais de 2000 palestras feitas, centenas de artigos publicados e 40 livros editados, periodicamente colabora em emissões de rádio e televisão, jornais e revistas nacionais e estrangeiras. Autor da ?História Oculta de Portugal? e da ?História Secreta do Brasil?, editadas em São Paulo, a sua prestação cultural ao Brasil valeu-lhe em 2002 receber o título perpétuo da Cadeira Histórica e Cultural, certificando-o Comendador, da Sociedade de Estudos de Problemas Brasileiros. Em 2010 o Grande Oriente do Brasil concedeu-lhe a medalha e o diploma de Mérito de Honra.

Em 1978 fundou a Comunidade Teúrgica Portuguesa em Sagres, Instituição Cultural-Espiritualista que vem dirigindo desde então na linha de pensamento da antiga Sociedade Teosófica Brasileira, mas adaptada à vocação lusíada com pólo fixo em Sintra, serra de cuja História Sagrada também é o primeiro autor português, tendo escrito e publicado os livros ?Sintra, Serra Sagrada? e ?Quinta da Regaleira ? Sintra, História e Tradição?.

Ultimamente tem dirigido um sítio da internet, ?Lusophia?, com temas de Portugalidade e Tradição.

Menciones en prensa y otros enlaces:

No existen menciones para este libro


EBOOKS:

No tiene links de compra de Ebook