POLICROMIA PARA CEGOS

Compártelo:


Sinopsis

Esta imagem para mim, por si só, já é um poema. Um poema cheio de mensagens que não rimam, mas que se podem sentir, interpretar de vários ângulos.
Para mim é a representação da cegueira, que apesar de parecer triste para quem vê, pode ser um mundo cheio de outros sentidos para quem não vê, para quem é cego. Esta imagem sente, ouve, tem momentos de alegria e de tristeza, atrai o que voa, não deixa de ser bela, por dentro e por fora, igual ao belo que existe para quem enxerga. Porque é que a cegueira tem de ser feia?! Não tem, e esta imagem mostra que a cegueira também pode ser bela, seja num rosto bonito, seja no som de um simples voo de uma gaivota, seja num céu cinzento e carregado de chuva....
Por vezes o cego é o que enxerga melhor, e ela, bela, enxerga tudo...
ANA AREAL ? Ilustradora da capa

Detalles del Libro


ISBN/13: 9789897368967

Num. Páginas: 80

Tamaño: 150 X 220 mm

Año de publicación: 2017

Editorial: Edições Vieira da Silva

Categoría: POESÍA

Jesus Récio Blanco (Autor)

Emanuel Lumelino (Autor)

Menciones en prensa y otros enlaces:

No existen menciones para este libro


EBOOKS: